terça-feira, 25 de agosto de 2009

Pediatras

Dizem por aí que é bom escolher o pediatra antes de o bebê nascer. Como sou daquelas mães nerds que querem fazer tudo certinho, segui as recomendações e marquei consulta com um pediatra recomendado pelas comunidades do Orkut (não tenho Orkut, mas uma amiga pesquisou pra mim) e pela minha obstetra. E atendia meu plano, o que era perfeito.

Quando fui marcar a consulta, ficaram me pedindo o nome da criança. Expliquei que eu era gestante e que o bebê ainda não tinha nome. Marquei no meu nome mesmo e lá fui eu.

Chegando lá, a moça me perguntou de novo o nome da criança. Expliquei mais uma vez que a criança não existia enquanto cidadão, não tinha sexo, nem nome, nem RG. Que eu estava indo lá pra conhecer o pediatra.

- Nossa, não sei então como faz. Tem que ser no nome da criança. Vou falar com o médico que ele deve saber.

Ela voltou e disse:

- O plano de saúde não vai pagar, então vai ter que ser particular mesmo. Você pode pagar preço de convênio.
- E quanto é?
- R$100,00.
- Moça, isso não é preço de convênio.
- Mas aqui a consulta custa R$180,00.
- Tudo bem, mas não venha me dizer que isso é preço de convênio.
- Mas é que o plano de saúde não paga se não for no nome da criança.
- Eu compreendo, mas vocês podiam ter me avisado isso quando eu marquei a consulta. Eu disse qual era meu plano e disse que era gestante. Não estou trazendo nenhuma informação nova.
- Deve ter sido outra recepcionista... Mas e então?
- Não vou decidir isso agora.
- Depois você marca de novo, sempre tem vaga...

Resolvi finalmente que não vou pagar consulta pra conhecer pediatra. Se for pra gastar, vou logo num médico que minha família conhece há anos e que não atende convênio. Então, com esse plano B na manga, vou lá no Dr. Credenciado assim que o bebê nascer, devidamente coberta pelo plano de saúde. Se não gostar, mudo pro Dr. Amigo-da-Família-não-Credenciado. Fui achar minha obstetra já com 2 meses de grávida. Então o pediatra também pode esperar, e que se dane a antecedência!

Mas claro, como não poderia deixar de ser, meu espírito nerd me atacou na saída do consultório, e propus ao marido:

- Amor, já que estamos aqui no Setor Hospitalar, vamos conhecer as maternidades?

E lá fomos nós... amanhã eu conto.

+++

Ah! Hoje completo 19 semanas de gestação! Parabéns pro bebê!

6 comentários:

Renata disse...

Olha, eu fui conhecer a pediatra antes do André nascer e gostei...aí ele nasceu e eu comecei a levá-lo lá e detestei! Uma coisa é a consulta onde eles "vendem o peixe" e outra coisa é o trato com o bebê. Acabei mudando de pediatra qdo o André tinha 3 meses e fiquei super satisfeita. Então fique tranquila que as coisas vão se ajeitando...
beijinhos, Re

Aprendendo a ser Pais disse...

Olaaaa!!!
Que legal vc ter visitado o journal!
Nossa, qdo eu vivi a minha gravidez busquei o maximo de informaçoes que eu pude e so assim fiquei tranquila com as neuras que toda gravida tem! E uma das coisas que me ajudou muto foi compartimhar experiencias com outras mamaes gravidas ou que ja haviam passado pelo parto, e pra isso o blog foi essencial!
Quanto ao RH negativo... A Béa tb nasceu com o meu tipo sanguineo e, por isso, nao tomei a vacina logo depois do parto. Td ocorreu bem!
Beiijooosss e otima semana!

Paloma, a mãe disse...

Eu não fui conhecer o pediatra antes porque todos os médicos foram taxativos em e dizer que não adianta. Como a Renata falou acima, eles vendem uma coisa antes e vc só vai saber se funiona mesmo quando estiver com o bebê nos braços. Vá recolhendo as indicações e escolha. Se não gostar, não tenha medo de mudar. Aliás, também preciso achar um pediatra para a Ciça em BSB, já tenho duas indicações, mas ainda não fui.

Roberta disse...

Duas amigas me recomendaram fortemente a pediatra dos filhos delas e essa mulher pediu pra eu ir lá antes do nascimento. Então, pouco antes da Luísa nascer, fui conhecer a mulher. Ela me ajudou muito na questão da rotina da mamada, que realmente deu muito certo. Mas depois que a Luísa nasceu a mulher só pisou na bola. E várias bem feias. Então resolvi mudar. Fui pra outra que uma amiga dizia que amava. E eu também não gostei da mulher. Falava muito do jeito nhenhenhe, me deixava horas esperando e depois ainda fez um diagnóstico errado por telefone. Mudei de novo.
Eu não me arrependo de ter ido à pediatra antes por causa dos toques sobre amamentação (mas que se você quiser eu posso até te passar por email o esquema). Mas o lance é que você dificilmente vai saber se a pediatra é boa ou não enquanto não tiver a experiência prática.
Beijos e boa sorte. De repente você acerta de primeira!
beijos

Tathy disse...

Lia, vc é meu exemplo. Quero ser assim "igualinha" a vc. Me passa o telefone do tal pedi porque Alice está sem e é difícil de achar um que que goste e confie.

Vamos marcar um encontro pra gente se conhecer pessoalmente, o que acha? Podemos marcar com a Paloma junto.

Bjsssssssssss

Thaís Rosa disse...

menina, você é certinha mesmo, hein! já tá vendo carrinho, já visitou maternidade, já queria decidir o pediatra... uau!! eu fiz isso tudo nos dois últimos meses da gravidez e olhe lá! a pediatra visitei uns dez dias antes do Caio nascer, e o plano de saúde cobriu, pela minha carteirinha... mas essa cena que rolou nesse daí já deu pra sentir que é meio furada, acho que o pediatra tem que ser um médico humanizado, e o atendimento foi puramente comercial... a minha pediatra chegou a sugerir que, se o convênio não cobrisse, ela faria a consulta e lançaria para o convênio apenas depois que o meu bebê nascesse: já gostei dela de cara, né? E sabe como a encontrei? conversando com várias mães e pais que eu conhecia na cidade, a indicação de pessoas conhecidas, que você sinta identidade com a forma de criar os filhos, vale mais que qualquer outra indicação.
boa sorte, o pediatra é uma peça fundamental no primeiro ano do bebê, vale a pena escolher com carinho e se identificar com ele. E eu acho que dá sim pra escolher antes do bebê nascer (e nada impede de trocar depois): eu, pelo menos, sou bem intuitiva, sinto logo se meu santo bate com o da pessoa, se ela tá sendo sincera ou se tá só querendo vender o peixe... confia no instinto materno que já está se formando aí dentro de você!!!
beijoca

Blog Archive

Seguidores

 
Blog Design by Template-Mama.