quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Engravidando

Eu tinha um professor no ensino médio (nem faz tanto tempo assim, mas a gente ainda chamava de 2º grau) que dizia que algumas coisas ou eram, ou não eram. Que não podiam ser mais ou menos. E este era o exemplo clássico:

- Ninguém pode estar mais ou menos grávida. Ou está, ou não está.

Eu achava graça, pensava: “é mesmo”. Pois não acho mais que seja assim.

Mesmo que, cientificamente, a mulher esteja grávida a partir do momento da concepção, nosso corpo – física e emocionalmente – vai engravidando aos poucos.

Quando vejo uma mulher com uma barriga enorme, penso: “Aquela lá está super grávida.” Ou gravidona. Ou, quando parece que vai dar a luz a qualquer momento, MEGA grávida. Até a Cath comentou no post de ontem: “...quanto mais grávida você estiver...”

E tem as gravidinhas, que ainda podem arriscar uns minutinhos deitadas de bruços ou dormirem tranquilamente de barriga pra cima. Essa sou eu. E já me sinto super credenciada a dar dicas de obstetras e compartilhar tudo o que aprendi sobre amamentação na SMAM com minhas amigas que acabaram de descobrir a gravidez. Cinco, sete semanas. Pouco grávidas.

Mas, claro, estou cada vez mais grávida. A barriga vai aparecendo, o sono vai aumentando, começo a sentir os movimentos do bebê. Esses dias chorei porque estava me achando gorda.

- O que está acontecendo com você? – meu amor me pergunta.
- Acho que estou ficando grávida...

7 comentários:

Paloma, a mãe disse...

É verdade, faz sentido!
Beijos

Letícia Volponi disse...

eu concordo com o professor. Não tem quase grávida, tem mais ou menos grávida. O que varia é a intensidade. Eu que sempre fui durona, fiquei bundona literalmente. Quanto mais crescia a barriga e a bunda... mais chorona eu ficava

Marina disse...

Lia, acho que só muda o endereço, então!!!
Me sinto uma bola a cada dia mais! rsss
Apesar da curtição com a barriga!
bjs

Marina disse...

Esqueci de dizer, te linkei ao meu blog!
bjs

Thaís Rosa disse...

concordo plenamente contigo, só quem já esteve grávida sabe como é perfeitamente possível ir "engravidando"... por isso temos nove meses! hehe! e o chororô vai ficando proporcional à barriga!!! hehehe! afe!
beijo

Roberta disse...

Concordo com você....eu me sentir "muito gravida" no dia que uma senhora que NÃO me conhecia falou assim: "Então, não é preciso ficar na fila, tens preferência" (capricha no sotaque português rs rs )
Beijos

Val disse...

Oi, Lia. Nõ conhecia seu blog até ver o seu comentário no meu. Confesso que amei. Ainda mais pq tá começando esse ano e deu tempo ler todinho em menos de uma hora. hehehe. Já vou colocar o link no meu blog e acompanhar o desenvolvimento desse bebê q está em sua barriga. Mantenha-nos informadas. Bjos.

PS: Estou lend seu ouro blog tb.
PS 2: Tem uma cauculadora no site da zazou que diz o sexo do bebê.. Já tentou? Comigo e com algumas amigas deu certinho;

Blog Archive

Seguidores

 
Blog Design by Template-Mama.