quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Livros altamente recomendáveis - por Lia Miranda

O motivo do quase falecimento do meu blog - meu anteprojeto de mestrado - é o mesmo motivo que agora o faz reviver. É com muito orgulho que inauguro a primeira coluna da vida deste blog: Meus livros altamente recomendáveis.

Vários blogs legais têm indicados bons livros infantis. A Revista Crescer também tem uma listinha bacana e a melhor referência de todas é a Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil, que premia várias categorias da literatura destinada a jovens e crianças.

Pra não chover no molhado, minha proposta é um pouco diferente. Como não estou sendo patrocinada por nenhuma editora e nenhum autor, simplesmente listarei, aleatoriamente, aqueles livros que caíram em minhas mãos, por acaso ou não, e me emocionaram. E, claro, agradaram ao público infantil daqui de casa.

Pode até ser que uma ou outra editora acabem aparecendo com mais frequência, simplesmente pelo fato de que eventuais promoções me fizeram comprar vários títulos de uma vez. Mas a ideia é divulgar os livros independentemente de terem sido publicados por editoras "grandes" ou não. E independentemente de terem sido premiados pela FNLIJ. Obviamente que o prêmio não é motivo para que não apareçam aqui, mas não é sequer determinante.

Livros bons, temos dezenas. Mas trarei aqui apenas aqueles muito, muito especiais. Não é qualquer livro, não. É livro porreta mesmo.

(Meu anteprojeto de mestrado, como vocês podem perceber, tratará de literatura infantil.)

Boas, excelentes, maravilhosas e emocionantes leituras.



+++

Meus livros altamente recomendáveis - A visita dos 10 monstrinhos (Ângela Lago)



Minha irmã trabalha em um órgão público que tem uma biblioteca infantil bem razoável. De vez em quando dou uma pesquisada nos autores que já conheço e peço que ela traga alguns títulos para Emília.

Conheci Ângela Lago pelo livro A Festa no Céu, que recebemos ano passado do Itaú. (A sinopse do livro no site do banco tem um equívoco. O texto de Ângela Lago não é uma tradução; o livro é de autoria dela.) É um livro fantástico, que Emília adora, com uma ilustração riquíssima em subnarrativas (a garça que come todos os docinhos; o papagaio que devora as frutas na cabeça do pato; o passarinho bêbado) e texto gostoso de ler. Cheio de folclore.

Com o nome da autora nas mãos, minha irmã me trouxe A visita dos 10 monstrinhos. Lemos na contracapa:

"Este é um livro para quem está aprendendo a contar, mas serve também para quem precisa lidar com algum monstro. Apresento-lhes o senhor Zero. Daí para a frente será moleza conviver com monstrinhos"

Realmente, é excelente para trabalhar os números. Cada algarismo tem dentro de si o número de monstrinhos correspondente a ele. Vão chegando um, depois dois, depois três de uma vez, e o menino vai trazendo, ao mesmo tempo, um, dois, três copos de bebidas... e à medida em que os monstros vão enchendo a casa, o menino vai ficando tenso, nervoso e enxota todos eles. O zero fica pra ser o fantasma, e assusta o menino. No final, todos acham graça, e o 4 acaba ajudando o anfitrião a lavar a louça.

Além da história gostosa, os detalhes são incríveis: ao mandar os números embora, o menino desenha os algarismos e cada um deles contém a quantidade de ângulos correspondente ao número. E quanto ele e o 4 estão lavando a louça juntos, fazem a sombra de um 5.

É mais que pedagógico. É literatura pra curtir.

Eu altamente recomendo:

A visita dos 10 monstrinhos
Ângela Lago
Companhia das Letrinhas
Faixa etária indicada: livre

+++

A coluna estará no ar, inicialmente, a cada duas semanas.Quarta sim, quarta não.

16 comentários:

Mamãe Jú disse...

Amanda adoraaaa a Festa no ceu... vou ver se encontro a visita dos 10 monstrinhos... :D
Adorei o post

Dani Garbellini disse...

Muito legal. Fiqueicom vontade do livro já. Vou procurar.
Bjs

Roberta Lippi disse...

Oba!! Acompanharei atentamente e anotarei TODAS as dicas!!
Beijos

PS. Recentemente também fiz uma lista de indicações dos livros do momento aqui em casa, não sei se vc viu. Assim como você, nenhuma parceria com editoras, foram todos livros comprados e que a gente recomenda. Ali tem umas dicas legais também. Beijocas.

Sarah disse...

Adorei Lia! Tanto a ideia da coluna como a primeira dica. Que graça de livro! Já adicionei à wishlist do Bento.
bjos!

Mariana Gonçalves disse...

Oi Lia,

Adorei o post...e vou contar porque,esperando que vc ( nem ninguem..rsrs ) me chame de louca...pois bem,eu estou gravida da minha primeira filha,e moro fora do Brasil...como amo ler,tenho pesquisado sobre alguns livros em ligua portuguesa,para comprar pra ela...e nao è exagero,minha mae vem no final de dezembro ( um pouco antes da baby nascer ) e ja estou organizando uma lista....e o porque è,quero que ela seja familiarizada com a nossa lingua e porque aqui,os livros infantis sao pouquissimos...uffa...escrevi um livro??!! bem tudo isso pra dizer que eu amei o post e ficarei de olho nos proximo!! Beijo Mariana

Marina disse...

Adorei, estava mesmo querendo um livro de números pra Bia, mas sem ser óbvio!
Que venham as proximas indicações!
beijocas

Dani disse...

Lia, serei uma leitora assídua dessa coluna.

Otto ama A festa no céu. Vou procurar por esse, pois ele está na fase dupla: monstros e números.

Beijo

Nana (A Louca do Bebê) disse...

Eu amo A festa no céu!! Cresci ouvindo a minha avó contando essa história (que na versão dela era um sapo dentro da viola) e adorei encontrá-la recontada pela Angela Lago.
Amei a idéia da coluna. Sou apaixonada por literatura infantil. Obrigada!

Kelly Resende disse...

Adorei a coluna, uma ótima ideia, parabéns! Vou ficar de olho nas dicas, pois nunca sei que livros comprar. rsss
Beijos

Michelle Finotti disse...

A Sara adora o livro a festa no céu, pede pra eu ler pra ela todos os dias.
Gostei da dica!
Bjs

Juliana Barros Sene disse...

vou amar essas dicas pro meu Samuel! sugiro vc também colocar a faixa etária que vc acha legal de introduzir o livro sugerido. Bjs e Deus abençõe vcs!

Barbara disse...

Oi Lia, que projeto interessante de mestrado! Pelo visto voce eh a pessoa ideal para eu pedir dicas de um tipo de livro que nao faco ideia de onde encontrar.

Moro na Inglaterra e aqui existem muitos livros infantis forma de poesia, ou seja, a historia eh toda contada em verso, com rimas e metricas, como os do Dr Seuss ou, mais recente, o Gruffalo.

Eu estava em busca de algo similar em portugues, mas que fosse bom. Ganhamos uns livrinhos da turma da Monica que sao bem fraquinhos, eh ate covardia comparar com Dr Seuss (apesar de o Jonas gostar).

Imagino que alguem deve ter publicado livros ilustrados com poesias de Carlos Drummond de Andrade, Mario Quintana, coisas em verso do Chico Buarque, etc. Mas sinceramente nao sei nem por onde comecar a procurar.

Muito obrigada!

www.baxt.net/blog

Lia disse...

Juliana, gostei da sugestão da faixa etária. Vou incluir.

Bárbara, vamos lá:
- Os livros do Ziraldo costumam ser em versos, mas não aquela coisinha métrica, soneto, rima ABAB... são versos mais livres. Mas o texto canta, tem rimas internas, assonâncias... poesia rica!
- Os Heróis do Tsunami, Fernando Vilela. Esse tá na minha lista de altamente recomendados, ainda vou postar sobre ele.
- Pé de Pato, Sapato de Pato, Bartolomeu Campos de Queirós. Também é livro porreta. Versos livres também.
- Aquarela, Janaína Tokitaka. Versos quadradinhos, rimadinhos. O texto é meio fraco, na verdade, mas as ilustrações são ma-ra-vi-lho-sas. É um bom livro, vale a pena.
- E o mais mais mais: Chapeuzinho Amarelo, Chico Buarque. Esse é fora de série, o melhor texto EVER! Também está na minha lista.
Beijos!

Paloma Varón disse...

Que ótimo, Lia, este eu não conheço. Esta coluna vai ser boa tanto para vc (ajuda a sistematizar) quanto para os leitores!
Beijos

Barbara disse...

Oi Lia, muito obrigada pelas dicas!

A ultima vez que eu fui ao Brasil quase comprei Chapeuzinho Amarelo, mas sempre acabo apavorada com os precos e deixando pra la. Acho que dessa vez vou ter que botar a mao no bolso, senao o menino vai crescer lendo so livro em ingles (que custam um preco justo), o que nao eh nada bom!

Os Herois do Tsunami eu nunca tinha ouvido falar, vou me informar!

Beijinhos!

Barbara

www.baxt.net/blog

Maria Espinheira disse...

Olá, Lia! Acompanho seu blog há algum tempo, mas nunca tinha comentado nada...achei muito interessante o tema de seu anteprojeto de mestrado!! Minha mãe é bibliotecária e conhecedora da importância da literatura, começou a ler pra mim diariamente quando eu tinha apenas 1 ano de idade...aos 10 anos, eu já tinha uma biblioteca com mais de 800 livros. Hoje dou graças a Deus, e à minha mãe, por ter me incutido esse hábito...tive muita dificuldade no colégio durante a adolescência, e depois na faculdade também...fui diagnosticada com déficit de atenção aos 20 anos...hoje digo com toda certeza: se não fosse a leitura, e todo o conhecimento que ela me proporcionou, eu não teria conseguido concluir o curso de Direito, passar na prova da oab, passar num concurso público...fui uma aluna mediana (pra não dizer péssima), mas estudei numa excelente instituição, e considerando minhas dificuldades, acho que estou no lucro! Se eu puder ajudar em alguma coisa no seu projeto (responder pesquisas, contar minha história, ou qualquer outra coisa), pode contar comigo!! Adoro seu blog!! Beijos!!

Seguidores

 
Blog Design by Template-Mama.